Bem-vindo à vila Morena!

Hoje
Hoje
Mín C
Máx C
Amanhã
Amanhã
Mín C
Máx C
Depois
Depois
Mín C
Máx C
FacebookPartilharRSSadicionar aos favoritosimprimir

32.ª Edição da Feira do Livro abre portas no dia 25

Feira do livro   inaugura  o2 1 760 1000
23 de Novembro de 2016

A Biblioteca Municipal de Grândola promove a 32ª edição da Feira do Livro que abre ao público na sexta-feira, dia 25 às 18h00, com mostra e venda de livros de vários géneros literários, dirigidos a diferentes grupos etários, com propostas que vão dos clássicos da literatura às mais recentes novidades do universo das letras.

Até 8 de Dezembro, a Feira do Livro, uma das principais iniciativas de âmbito cultural que a Câmara Municipal de Grândola organiza anualmente, apresenta aos amantes da leitura centenas de livros que traduzem a participação das mais representativas editoras nacionais, a preços especiais.

 

Camões e os Lusíadas

O escritor Luís Vaz de Camões e a sua obra poética “Os Lusíadas”, considerada a epopeia portuguesa por excelência, são destaques da programação da Feira do Livro.

“Camões” é o título da exposição cedida pelo Instituto Português Camões que estará patente ao público durante as duas semanas da Feira. A exposição biográfica, é composta por uma série de 38 cartazes e destaca alguns dos aspetos mais importantes de Camões, reconstituindo o seu itinerário pessoal, cívico e literário.

No dia 7 de dezembro, realizar-se-ão duas sessões de “Os Lusíadas – De Lisboa à Índia - Ida”* com conceção e interpretação de António Fonseca**. No mesmo dia, às 18h00, o Autor irá apresentar o seu audiolivro “Os Lusíadas como nunca os ouviu”.

 

“À mesa com escritores”

A Feira do Livro terá como novidade nesta 32ª edição integrar a realização das Semanas Gastronómicas.

“À mesa com escritores” apresenta em nove restaurantes do concelho de Grândola ementas literárias baseadas em obras de grandes escritores portugueses.

Entre 25 de novembro e 4 de dezembro sugerimos como entradas o Patê de Rosto de Cão de Francisco José Viegas, os Bolinhos de Bacalhau de Aquilino Ribeiro ou a Torta de Camarão de Almeida Garrett. A seguir reconforte-se com o Caldo de Castanhas Piladas de Camilo Castelo Branco ou a Sopa de Grão-de-bico de Eça de Queirós. Como prato principal convidamo-lo a saborear o bacalhau à Biscainha referido em ”O Crime do Padre Amaro” e o Arroz de Perdizes descrito na ”Carta a Júlio Dantas” Para sobremesa sugerimos-lhe as Fartes de Fialho de Almeida ou Pudim de nozes de Agustina Bessa-Luís.

 


Horário da Feira do Livro:

  • 2ª a 6ª feira das 09h30 às 20h
  • Sábados, Domingos e Feriado das 11h às 13h e das 15H00 às 20h

 

*OS LUSÍADAS – DE LISBOA À ÍNDIA | IDA

CONCEPÇÃO E INTERPRETAÇÃO DE ANTÓNIO FONSECA

A história da primeira viagem de Lisboa à Índia, feita, há mais de quinhentos anos, por cerca de duas centenas de portugueses, comandados por Vasco da Gama; uma história verídica reinventada por Camões que aproveita para reavivar alguns momentos mais significativos e dramáticos da História de Portugal; uma aventura empolgante capaz de nos fazer rir e comover pelas suas ressonâncias na nossa história individual e colectiva.

Os Lusíadas – de Lisboa à Índia é a primeira parte dessa viagem, a ida, contada hoje, com a música dos versos de Camões.

 

**Nota Biográfica | António Fonseca

Natural de Santo Tirso.

Estudou filosofia e teatro. Actor desde 1977.

Trabalhos mais recentes em teatro: Força Humana, a partir de Os Lusíadas, Frei Luís de Sousa, de Almeida Garrett, encenação de Rogério de Carvalho; O Contrabaixo, de Patrick Suskind, encenação de António Mercado; Ricardo III, de William Shakespeare, encenação de Tónan Quito (Globo de Ouro de Melhor Espectáculo 2016); Vermelho, de John Logan encenação de João Lourenço (nomeado para os Globos de Ouro e Prémios SPA – melhor actor)….

Trabalha regularmente em televisão: Os Boys,(RTP1) Rainha das Flores, Mar Salgado,(SIC) Cidade Despida, Depois do Adeus, Odisseia (RTP1). No cinema, foi nomeado para os Prémios Sophia, na categoria de melhor actor secundário, por Florbela, de Vicente Alves do Ó.

Possui o título de Especialista em Interpretação e é professor no Curso de Teatro e Educação da ESEC.